segunda-feira, 26 de setembro de 2016

Competição Inesperada das Cartas

Mooooores, tudo bom????
                    Encontrei esse post perdido em meio aos rascunhos que fiz aqui no blog e resolvi liberar para vocês!! Foi a sessão que fizemos em 18/10/2015 O-o quase um ano atrás. Antes tarde do que nunca não é?? Espero que gostem S2



            Continuando a peregrinação pelo mundo a procura das cartas, Muriel, Colligaris, Arthur e Karyon decidem pegar uma trilha que ia para um vilarejo. Não demoraram muito a ver que não eram os únicos indo naquela direção. Então perguntaram a uma das pessoas que passaram por eles o nome da cidade que se via logo a frente. Disseram que era Nortedã.
          Avistaram na cidade criaturas com couraças e emblemas nos braços. Os portões da cidade eram bem grandes, mostrando a imponência do local e o quanto era uma cidade fortificada. A elfa e o Karyon foram para a biblioteca afim de estudar magias novas. Muriel buscava entender os poderes que existiam em seu cajado, que fora da sua falecida mãe bruxa.
        O anjo, a demônia e o ladrão foram inscrever-se para o torneio que estava acontecendo na cidade, pois além dos falatórios enquanto entravam na cidade, leram em cartazes espelhados nas ruas que os prêmios eram, além de muito dinheiro e ouro, as cartas que o grupo já estava em busca.
          Os três pegaram uma fila enorme para se inscrever. Estavam alí diversos tipos de competidores: humanos, elfos, anjos, demônios, etc. Quando chegou a vez dos deles, viram que quem inscrevia todos no torneio era um ruivo que se chamava Kros, e usava armaduras espinhosas, além de ser um homem bruto e rude. O mesmo caçoou do nome de Tasha, e tirou sarro do fato de um anjo estar se inscrevendo no torneio.
          Karyon volta para o local do torneio na intenção de se inscrever. Porém ele decide comprar um pergaminho e penas para continuar seus estudos de magia. Ao chegar na loja, o vendedor diz:
        - Tenho algo pra você! – E entrega um pergaminho nas suas mãos.
        - Lê para mim por favor? – Diz Karyon.
        - “Karyon, sei que você precisa saber sua história. Me encontre depois da última batalha de amanhã.”, perdoe, não queria ler. Mas eu gostaria de fazer-te uma proposta. Vi que se inscreveu no torneio. Eu invisto em você, se você me passar 50% do que ganhar se casualmente vencer.
        - Só aceito se for 40% sem contar com as cartas.
        - Então fechado. Não me importo com as cartas, só quero o dinheiro.
            Enquanto isso Muriel e Tasha se encontram e decidem ir a uma taverna para beber. De tanto beberem, as duas desmaiaram. Quando acordaram ficaram desnorteadas sem compreender como ficaram em tal situação. A Demônia desconfiada tenta tirar respostas do taverneiro. Diante da falta de informação sobre o que tinha nas bebidas, Tasha se enfurece e bate no taverneiro. Sem mais o que fazer, as duas seguiram para fora da taverna.
            O anjo Colligaris que estava apenas observando tudo na cidade, se depara com uma criatura de 4 asas vindo em sua direção.

- Senhor Colligaris. Vi que se inscreveu para o torneio. Você sabe da importância dele? São três cartas a recompensa por ganhar. E esses mortais não sabem o quão importes são essas cartas. Espero ver-te na final.

- Eu e minha espada em sua garganta estarão lá. – Responde o anjo imponente e curioso quanto a este ser que que além de saber das cartas e de sua importância, também sabia que ele estava se inscrevendo por causa delas.

- Veremos! – O ser responde e sai.

               Tasha começa a procurar o Arthur no hotel de luxo que ele se encontrava.

             Muriel ao sair da taverna, começa a andar pela cidade. Quando se depara com um mendigo pedindo esmola. Por não ter o dinheiro, decide cantar para tentar ganhar algo para ele. Cantando, um homem encapuzado aparece, e vendo o esforço da elfa em cantar pergunta curioso:

- O que você quer?

- Esmola para aquele mendigo.

             Ele jogou moedas e um cartão com um ID no copo do mendigo e saiu. Quando ela olhou cartão percebeu que estava inscrita no torneio.

              Com a chegada de um novo dia, todo o grupo se prepara para as lutas dentro do Coliseu. Um cara começa a falar:

- Saudações! Todos os anos fazemos torneios. Todos que estão aqui, estão pela glória de ser um vencedor. Os prêmios deste ano são: para o 1° colocado, 2° lugar e 3° lugar... Vamos começar a primeira luta: Senhor Karyon contra senhor Arthur Miller.

Eles sobem e começam a lutar. A Luta foi bem acerrada, porém Arthur vence.

Segunda luta: Roxxas contra um mercenário, e ele ganha (?).

Terceira luta: Colligaris contra Raian (O Musicista). Colligaris ganha.

Quarta Luta: Elfa negra contra um bárbaro com machado. A elfa vence.

Sexta luta: anjo contra um escudeiro. Anjo vence

Sétima luta: Guerriulf e Muriel. Muriel vence.

Oitava luta: Mulher loira da biblioteca contra Krós. Ela poderes de água e vence.

Nona luta: Tasha contra Galdamant. Galdamant vence.

No outro dia Krós e Leysson contra Guelrriu e Tasha. Tasha e Guelrriu. Guelrriu vence.

Karyon Foi para o encontro do pergaminho e Tasha o acompanha.

Continua...

Nenhum comentário:

Postar um comentário